domingo, abril 01, 2007

O PODER

Hoje é dia 1 de Abril de 2007, é reconhecido como o “Dia das Mentiras”. Portanto hoje escrevo com total liberdade, como sempre, no entanto, hoje há a despreocupação de parecer ou ser credível para quem possa ler… quem lê, pode e deve ser o juiz dessa questão.
Por ser este dia, quis trazer um tema sempre actual, o poder, bem reconhecido na nossa sociedade, ás vezes, por ás piores razões.
No entanto, o poder que hoje trago é o poder individual de cada Ser, que existe no seu interior, em que uns desconhecem, outros são cépticos e ainda outros o exploram em benefício próprio.
O chamado Poder da Mente, em que é preciso acreditar para conseguir captá-lo, em que é preciso concentração para treiná-lo e em que é com muita persistência que se consegue sentir alguns resultados.
«Os limites da tua vida são meras criações do eu»; ditado dos Sábios de Sivana. Que reconhecem as fronteiras que cada Ser impõe por várias razões. É preciso saber reconhecer e aceitar esse facto para se poder avançar.
Querem com isto dizer que, os pensadores esclarecidos sabem que os seus pensamentos formam o seu mundo e que a qualidade da vida se reduz à riqueza desses pensamentos. Ou seja, se queres uma vida pacífica e significativa, tens de pensar de um modo mais pacífico e significativo.
O modo de vida de cada um é o espelho de cada alma, em que nos pormenores soltam os traços gerais da personalidade e do carácter imersos na educação cultural de cada.
Deves sorrir ao teu semelhante, porque um sorriso tem poder e transmite simpatia.
O teu sorriso é um forte aliado, porque todos buscámos a felicidade.
E o segredo da felicidade é tão simples… Descobre o que é que realmente gostas de fazer e, depois, canaliza toda a tua energia nessa direcção.
Hoje é domingo, é o Domingo de Ramos e este texto é válido para quem quiser entender o Poder que menciono, é livre para ser ignorado, criticado ou aceite. Afinal é essa a mais valia dos tempos democráticos.
Bom domingo para todos.

1 comentário:

Marlene disse...

De uma maneira muito especial "absorvi" as ideias que passam ao ler "O Poder" e é isso mesmo, sorrir, levar a vida de modo tranquilo, agindo de acordo com essa filosofia.

E claro que a essêcia, o carácter, a educação se espelham nas atitudes, no dia a dia, em cada olhar, sorriso, tudo.............

Soube muito bem MESMO!