sexta-feira, julho 25, 2008

Luz


(Foto de: Novic Arman Zhenikeyen)

luz
intensa
ilumina-te
mostra-te

embate
brilho excessivo
que oculta

só tu não sabes…

4 comentários:

laura gial disse...

Mas que luz intensa...

Adorei!!!

Beijos
Laura

Marta Vasil disse...

Poema tão pequeno e a ofuscar-nos com tanta luz.
A luz é isso mesmo. Tanto é transparente, como nos cerra os sentidos e os olhos.

MV

lua-mor disse...

E é com Luz que trazes toda a tua alma linda até nós...
Beijos

Pedra Filosofal disse...

Alguém disse um dia que se voltares as costas à luz, nada mais verás além da tua própria sombra. Porque é a luz que nos mostra como somos, que nos ilumina.