quarta-feira, julho 02, 2008

Vamos unir os nossos sentimentos


(Foto de: Frank Melchior)


Vamos pela estrada dos momentos
vamos unir
nesse abraço sôfrego em nós a fluir
vamos juntos em direcção do destino.
Se o Sol quiser ser o nosso padrinho
emprestando-nos o carinho
do seu majestoso sorriso
nele construiremos o nosso hino
para cantarmos por este caminho desejado
na conquista do nosso tempo divino.

Vamos que o mundo é nosso
e os sentimentos são dádivas do céu
vamos na boleia da acção.
Daremos asas ao coração
impulso depositado num beijo
que selará o nosso amor perfeito
nesta vaga… mar dos ensejos unidos.
São cálidos sentimentos
transformados em ávidos rebentos
vindouros e aplaudidos.

3 comentários:

Vera disse...

"Vamos que o mundo é nosso
e os sentimentos são dádivas do céu"

Os sentimentos são realmente uma dádiva. Feliz de quem sabe amar, mesmo sem receber nada em troca.
Gostei muito, mesmo muito do poema Paulo.

Beijinhos

Marca de Água disse...

Mergulhei assim nem sei como no teu blog...adorei... e vou voltar de certeza...

Deusa Odoyá disse...

Oi meu amigo Paulo Afonso Ramos.

Viajei nesse lindo e sublime poema.
Onde o amor é vivido plenamente, cheio de entregas e sedução.
As almas encontram-se nos olhares dos enamorados.
Belo e divino. Adorei.
Boa semana para vc. com muita paz.

Regina Coel.

.