terça-feira, outubro 14, 2008

Amizade

Nem os vendavais
afrontam os canaviais
nem as pragas
derrubam as vontades
nem todas contrariedades
(deste insano mundo)
destroem o nosso caminho.

E assim juntos conseguimos
ver a alegria das luas
sentir a força do sol
como salutares inocentes…

E na simplicidade do estar
em que nada queremos pedir
basta-nos dar,
um gesto sincero
num sorriso oportuno
sem pensar
na malícia de um outro olhar…

Como crianças
desfrutámos esta harmonia
da nossa vida exposta
sem rodeios
ou artifícios…

Sabes porquê?
porque sabemos o verdadeiro sentido
extraído, da palavra, com que brincamos
porque sentimos quem somos
e sem qualquer mácula
brindamos em alegoria
ao nosso estado fortificado…
Sabes?
Afinal tudo é tão simples
basta-nos, apenas, sermos amigos…


6 comentários:

nas asas de um anjo disse...

já aristóteles dizia q a amizade era aforma + genuína do amor...

Vera disse...

A amizade sincera é assim mesmo, como a descreves tão bem neste belo poema. E gosto, gosto mesmo do poema! E gosto, gosto mesmo de ti, meu Amigo Maravilhoso!

Beijo grande

Borboleta Selvagem disse...

Só te quero felicitar pela tua sensibilidade, pelo teu encanto, pela tua doçura... Mereces ser muito Feliz!
Vive cada momento de uma forma intensa por forma a que cada momento se torne Mágico...

És...Tu!!!

GBjo

Marta Vasil disse...

Sim, a amizade é simplicidade, é verdade, é alegria. São 3 palavras que escolhi (deste belo hino à amizade) que nos fazem sorrir a nós próprios e aos outros - os NOSSOS AMIGOS.
Sorrir aos outros e recolher nos nossos olhos sorrisos de verdade é engrandecer a alma.

Um abraço amigo

MV

Pedra Filosofal disse...

Usar a palavra amizade é das coisas mais fáceis que pode haver.. o dificil é saber o que significa ser amigo. E descrever como o fizeste ainda mais. Achei perfeito

ilucia disse...

Amizade,uma palavra linda, mas que poucos sabem o significado!
É como tu dizes ,basta-nos,apenas,sermos amigos...
Beijinhos