domingo, janeiro 11, 2009

Talvez não saibas…

Toco no teu olhar
é tão macio
tão doce…
Talvez não saibas
que é a porta
que abre esse coração.
Toco na tua face
é tão hábil
tão bela…
Talvez não saibas
que é a janela
desse corpo.
Toco no teu sentimento
é tão nobre
tão puro…
Talvez não saibas
que o amor
é feito dessas imagens
desses passos
que não demos…
Talvez não saibas
nem queiras,
que o tempo seja capaz
de afagar os sentidos
de dar carícias aos momentos
enfim,
talvez não saibas
que existo tão perto…
Talvez,
talvez não saibas…

8 comentários:

FERNANDA & POEMAS disse...

OLÁ QUERIDO PAULA, BELO POEMA... ADOREI AMIGO... UM ABRAÇO DE CARINHO,
FERNANDINHA

frAgMenTUS disse...

q maravilha, q ternurento, Paulo!
este poema transmite meiguice, espera...quem é a musa, conta lá :) rs

bj

Sonia Schmorantz disse...

Talvez a nova semana tenha dificuldades, ainda assim haverá alegrias...
Talvez a nova semana tenha preocupações, ainda assim haverá soluções...
Talvez a nova semana traga alguns atritos, ainda assim trará o desafio do aprendizado do convívio...
Talvez não seja exatamente como a queremos, mas podemos nos surpreender e alegrar com o que nos trará.
Tomemos a nova semana com disposição de vivê-la do melhor jeito, de abraçar a parte feliz e de aprender com o que contrariar a nossa expectativa.
Tenhamos boa vontade com a nova semana e um sentimento de profunda gratidão à vida.
Um abraço

Um Olhar disse...

Saberás que há mais... mas o desejo muitas vezes encobre e esconde o que não sentimos deveras...
Um beijo

Fatima

JustMe disse...

Talvez...
Talvez quem sabe...

Parabens


JustMe

Djinn disse...

De uma simplicidade cativante :)

ilucia disse...

Talvez não saibas
Lembro-me sempre
Talvez não saibas
Vontade não falta
Talvez não saibas
Estou com saudades
Talvez não saibas
Hoje estou aqui

Beijinhos

laura gil disse...

Que delicia de poema!!!
ADOREI!

Beijos
Laura